De Ubatuba a Joinville...

Boas!

Como parte de nossos preparativos para o Desafio Africa do Sul Cusco Baldoso Soneca 2018, o Tio Spinelli fez um curso avançado (CBVO # 108) navegando em área oceânica (a mais de vinte milhas da costa) e direto entre Ubatuba (SP) e Joinville (SC).

Na tripulação tivemos inicialmente três alunos: o Elton, o Vagner e a Tatiana. No dia da partida, 30/09, já em Ubatuba, o Elton recebeu uma triste notícia e teve que desembarcar (mais uma vez nossos sentimentos a ele e à Erica). Os planos mudaram um pouco e às 13h00 do domingo, 01/10, o Soneca partiu rumo à Santa Catarina.

Nosso esquema de aula me orgulha muito, devo confessar. Há escola de vela por ai que faz avançado entre Paraty e a Ilha Grande. Nós não, vamos muito além disso. E voltamos.

A seguir nossa conversa com o Tio Spinelli, assim que ele chegou em Joinville:

Juca Andrade: Qual a distância navegada entre Ubatuba e Joinville?
Tio Spinelli: Nossa derrota teve 298 milhas náuticas. É quase uma Refeno, mas em condições climáticas bem mais desafiadoras.

  
Juca: Qual o tempo previsto para esse trecho e em quanto tempo vocês o cumpriram?
Tio: Nossa previsão inicial era fazer em 60 horas (média de cinco nós).  Fizemos em 54, com o sol se pondo. Foi lindo! Tivesse vento o tempo todo e teríamos feito em menos de 48.  Foram 39 horas à vela, no leme de vento. Batemos o recorde do Soneca em 12 horas de navegação: 88 milhas, média de 7,3 nós! 



Juca: Como estavam as condições de vento e mar?
Tio: Variadas. Tivemos de tudo. Saímos de Ubatuba abrindo para a Ilha de Búzios, para passar a Ilhabela por fora e ganhar o mar aberto, rumo direito de Joinville. Tivemos clima alternado. Calmaria, vento, ventinho, ventão. Nas calmarias usamos o motor, infelizmente. No vento chegamos a pegar trinta e cinco nós, de alheta, com ondas de três metros e meio.  A Tatiana e o Vagner foram todo o tempo bastante solícitos, hábeis e aproveitaram muito a oportunidade.

Juca: E o barco, como se comportou?
Tio: Muito bem! Houve um pequeno rasgo na vela mestra, mas nada sério e de certa forma esperado depois do que essa vela passou na Argentina. O destaque foi o leme de vento. Fiz algumas "melhorias" no projeto. Antes ele não mantinha o rumo na orça, derivando alguns graus. Isso foi corrigido e agora ele tem uma estabilidade de rumo impressionante em todas as mareações.

Juca: E o retorno, quando será? Temos vagas?
Tio: Acho que voltarei apenas em maio, você já viu a meteorologia? Não tem frente fria! Falando sério,  iniciaremos a volta no final de semana. Talvez tenhamos que fazer escalas, pois a Tatiana tem que estar em terra no dia 11/10. Ainda temos duas vagas para a volta. Quem quiser vir conosco é só entrar em contato com o Juca: capitao@cuscobaldoso.com.

Desafio Africa do Sul Cusco Baldoso Soneca 2018 parte de Ubatuba entre os dias 01 e 07 de janeiro de 2017. O dia exato depende apenas da meteorologia. A tripulação de ida já está fechada, mas a da volta ainda não. Ainda temos vagas para a volta e você pode vir com a gente!

Uma outra forma de velejar com a gente é ajudar nosso projeto por meio do APOIA.SE. Com uma pequena contribuição mensal o apoiador ganha como recompensa uma velejada no Soneca! Várias pessoas já estão nos apoiando e elas só temos que agradecer. Nosso amigo e apoiador Mauro Pascotto, inclusive, irá com sua esposa Myrna velejar no Soneca em... CAPE TOWN!

Para nos apoiar basta CLICAR AQUI!

E Vamos no pano mesmo.


Comentários

  1. Travessia Ubatuba-Joinville 01/10/2017 a 14/10/2017
    A experiência da travessia foi fantástica, daqueles como poucos momentos que marcam a pessoa... nela pude passar por diversas experiências algumas belas outras desafiadoras mas a cada desafio superado era como ganho de vida, de consciência, de valores... com certeza é uma aventura que tem de ser vivenciada pra quem gosta de velejar. O Tio Spinelli com todo conhecimento, paciência, atenção, dedicação de quem realmente gosta de ensinar, de ajudar, de se doar para os outros... uma pessoa como poucas no mundo e o Soneca que está sempre de braços abertos a todos e sempre pronto e ansioso pela próxima aventura e muitas mais milhas navegadas....
    Valeu Tio!!! Valeu soneca!!! Valeu Juca!!! Valeu Escola Cuscobaldoso!!!
    abçs
    Vagner

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Onde guardar um veleiro.

Kits para construção amadora - POP 25!

Como instalar a sonda do GPS Garmin sem furar o casco.